+ 55 11 3675 5090
+ 55 11 9139 8141
 
ENTREVISTA  Roberto Frejat - parte II
  14/09/2009
  Jorge Poulsen




 

 

Roberto Frejat, compositor, cantor e guitarrista, também "pilota" o Estudio Du Brow, e foi um dos primeiros usuários na gravação de CDs com o sistema Pro Tools. Na segunda parte da entrevista, perguntas sobre influências, gravação analógica x digital, monitoração, conversores, etc.......

 

10) Qual monitoração voce utiliza em seu estudio?

Genelec e Tannoy para o stereo e Dynaudio Air 15 para o 5.1

11) Sentiu muita diferença na mudança de seu HD 3 Accel pcix para o Accel pcie, e do G5 para o PowerMac ?

A velocidade do processamento do computador é muito maior , mas tenho tido muitos problemas com a reinstalação do plug-ins que eu tinha instalados no G5 e olha que os meus são todos registrados.

12) Como foi a experiencia de tocar ao vivo tendo uma mesa Venue no PA?

Gosto muito do som da mesa e a possibilidade de ter os plg-ins do estúdio ao vivo é maravilhosa.Acho que o potencial desta tecnologia é grande para nos surpreender no futuro.

13) Como voce ve a diferença de áudio entre o pro tools e uma fita  analogica?
Voce utiliza gravação analogica em seu ou outros estudios, para certos instrumentos?


Não. Eu gravei anos em analógico e não sinto falta nenhuma. Acho que se você tiver bons prés e microfones  e souber gravar bem os instrumentos não sentirá falta de nada e tem muitas vantagens sobre o analógico em termos de edição, comunicação e logística.

Acho que gravar em fita hoje é uma opção estética e não tecnológica.

Uma coisa que acho que faz diferença no Pro Tools é mixar em grupos e não só para um L/R.
Desafoga o mixer interno do programa e te dá muito mais amplitude de sinal.

Eu fiz a experiência e a diferença foi grande demais para simplesmente dizer que não vale o esforço ou investimento, então acho que um summing mixer é um elemento importante para se ter o melhor resultado final de uma gravação digital. Uns fazem isso voltando para o analógico em mesas ou pequenos mixers. Eu costumo abrir os grupos na Yamaha O2R e voltar ao ProTools sem sair do digital.

13) Quais são os guitarristas que mais te influenciaram?

Muitos, Hendrix, George Harrison, Keith Richards, Pete Townshend, Eric Clapton, Jeff Beck,Davis Lindley,Carlos Santana,Pepeu, Armandinho, Robertinho de Recife, Luis Carlini, Paulo Rafael, Sérgio Dias, Lanny Gordin, não necessariamente nesta ordem e tem os músicos de outros instrumentos também.

14) E quais são para voce os solos de guitarra que mais te emocionam ?

Você ta fazendo perguntas muito difíceis(risos)! Você tem tempo pra ficar anotando até o Natal?

15) E os albuns que mais marcaram sua carreira?
Acho que vamos ter de ir até a Páscoa do ano que vem!
Eu gosto tanto de música que não dá pra fazer uma lista pequena destas coisas.É assunto para noites e noites de boteco.

16) Uma vez, ao falarmos sobre solos de guitarrra, voce disse que os solos so eram bons porque as canções também eram.
Qual é para voce a relação da canção com os solos, e como voce encara a musica instrumental (não a jazziztica, mas a de pop/rock?)


Eu acho que dificilmente alguém me emociona com um solo numa música ruim, acontece, mas é raro. Pra mim o grande solo é aquele em que se mistura a continuidade do arranjo e a interferência de uma personalidade própria para abordar aquela canção com notas, sem palavras e parecer que não podia ser de outro jeito seja pela surpresa ou pela exatidão.
Na música instrumental acho que tem de ter a personalidade do solista e história pra contar.

17) Como artista que lança albums solo, como ve o futuro dos cd´s, dvd´s ?
Como encara os downloads?
Ha uma direção para a qual a tecnologia e a musica apontam, ou estamos simplesmente numa grande mudança, sem ainda sabermos ao certo os rumos?


Eu acho que é exatamente isso, estamos no meio de uma grande mudança e acho que nada está estabelecido de forma mais sólida e confiável.
Muita coisa pode melhorar ou piorar daqui pra frente no que diz respeito a mercado de trabalho, consumo e respeito aos direitos autorais.

18) Tirando os sistemas de gravação não lineares e sequencers, quais as
inovações tecologicas que foram mais importantes para voce?


Acho que os programas de pitch and time. Eles desafiam as leis da física.

19) Voce tem interfaces 192; quais os conversores que voce utiliza em seu studio, alem delas ?

Eu as uso 95% do tempo, mas às vezes uso um aparelho da Cranesong chamado HDDE que também tem conversores AD para algumas coisas e o resultado é muito bom, mas acho que desde a 192 as interfaces do Pro Tools tem uma sonoridade muito boa.

No PT Mix eu usava uma Apogee AD-8000 que fazia toda a diferença , mas não senti necessidade de mantê-la quando veio o PT HD !








Tecnologia Musical
Produtos (marcas)
Produtos usados
Promos
Upgrades e crossgrades
Tec News
Entrevistas
Cadastro
Contato

HOME | Tecnologia Musical | Produtos (marcas) | Produtos usados | Promos | Upgrades e crossgrades | Tec News | Cadastro | Contato |
site